ESQUECEU SUA SENHA?

*

O papel da escola e da família no incentivo à leitura

 

 

No dia 02 de Abril celebramos o Dia Internacional do Livro. Data que nos inspirou a escrever sobre este tema!

 

Ensinar uma criança a ler, não é profissão, não é vocação e muito menos missão. Ensinar uma criança a ler é privilégio de poucos.

 

Quando uma criança entra no mundo da “leitura”, não digo leitura – letras/números - mas quando começa a ler o mundo que a cerca, os ambientes que frequenta, a casa dos tios, avós, parques, começam a formar o seu mundo! Descobrem as cores, os bichos, as formas, os sons e passam a gostar, ou não, daquilo que estão “lendo”. E por isso, a família e a escola são de fundamental importância neste início.

 

Algumas dicas simples, para que escola e família sejam incentivadores da leitura:

 

 

- Livros à mão, próximos , à altura dos olhos, coloridos, permitidos! Só não pode rasgar...

 

- O contar histórias é um encantamento para as crianças. Nossa voz, nossos gestos, as figuras, permitem a ela criar seu mundo próprio e recontar a sua história. Faça uma experiência, vocês ficarão também encantados com o resultado.

 

- Ter o livro como um companheiro.

 

- O livro tem cheiro, cor , tamanho e cabe em qualquer lugar principalmente ao lado da nossa cama ou no nosso “cantinho preferido” da casa.

 

- A criança sentirá através da escola e da família, como o livro e sua leitura são agradáveis, gostosas e nos levam a passear pela nossa imaginação.

 


  Bem disse:

  Oh bendito que semeia
  Livros à mão cheia
  E manda o povo pensar!
  O livro, caindo n’alma
  É germe-que faz a palma
  É chuva-que faz o mar.

                         Olavo Bilac.

A magia da infância ultrapassando os limites do saber... 
Topo