ESQUECEU SUA SENHA?

*

Tiradentes - Líder da Inconfidência Mineira

 

21 de Abril - Tiradentes

 

Joaquim José da Silva Xavier, conhecido como Tiradentes, ocupava um cargo de militar na época do Brasil colonial, além de exercer a profissão de dentista. Ele participou ativamente de um dos principais movimentos de contestação do poder que a coroa portuguesa exercia sobre o Brasil Colônia, movimento esse que ficou conhecido como a Inconfidência Mineira.

 

Os inconfidentes de Minas Gerais tinham ideais de liberdade e igualdade (os mesmos que deram força à Revolução Francesa, em 1789), além do anseio pela emancipação e independência em relação à Coroa Portuguesa (governada pela rainha D. Maria, “A louca”).

 

Apesar de terem uma organização bem elaborada, os inconfidentes acabaram por ser delatados e acabaram presos. Os principais líderes receberam a pena do banimento, isto é, foram expulsos do país. Tiradentes, ao contrário, foi enforcado no dia 21 de abril ao som de discursos que louvavam a rainha de Portugal. Seu corpo foi esquartejado e sua cabeça exibida na praça principal da cidade de Ouro Preto.

 

Somente após a Proclamação da República a imagem de Tiradentes começou a ser recuperada e louvada como um dos heróis da nação ou como um dos que primeiramente lutaram (até a morte) pela liberdade.

 

Em 1965, durante a primeira fase do regime militar no Brasil, o marechal Castelo Branco, então presidente da República, contribuiu para o reforço dessa imagem de Tiradentes, sancionando a Lei Nº 4. 897, de 9 de dezembro, que instituía o dia 21 de abril como feriado nacional e Tiradentes como, oficialmente, Patrono da Nação Brasileira.

 

 

A magia da infância ultrapassando os limites do saber... 
Topo