ESQUECEU SUA SENHA?

*

Plantas Venenosas: perigo para crianças e animais

 

Enfeitar a casa é sempre um prazer, colocar plantas em vasos de cerâmica, flores sobre a mesa, um jardim cheiroso e colorido, essa é a realidade de muitos de nós, não é mesmo?

 

Entretanto mamães e papais, fiquem atentos à algumas espécies que são lindas, mas que podem causar muito transtorno (e algumas podem levar a óbito), se ingeridas.

 

Claro que ninguém espera que a criança saia por aí comendo plantas no jardim ou atacando um vaso de flores de tanta fome, mas estamos sim alertando para algumas espécies que estão dentro da nossa casa, ou no cabeleireiro, ou no supermercado ou na casa de uma amiga e que as crianças, talvez por curiosidade podem tocar, manusear e depois a mão vai à boca, vai aos olhos e aí o mal está feito: alergia, coceira, vermelhidão, olhos irritados, garganta fechada, hospital! Acham exagero? Pode até ser, mas por via das dúvidas, vamos a alguns exemplos:

 

 

 

 

Comigo-Ninguém-Pode:
Nome Científico: Dieffenbachia amoena
Nomes Populares: Comigo-ninguém-pode, Difembáquia
Família: Araceae
Categoria: Folhagens

 

A planta é conhecida por afastar o mau-olhado, por isso o nome sugestivo. Muito comum de ser vista na entrada de muitas casas. Pode ser fatal de mastigada, pois fere a mucosa da boca, faringe e cordas vocais. Nos olhos, causa conjuntivite e lesão córnea. Vai vendo...

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Espirradeira:
  Nome Científico: Nerium oleander
Nomes Populares: Espirradeira, Oleandro
Família: Apocynaceae
Categoria: Arbustos, Cercas Vivas

 

Essa belezura lidera o ranking das venonosas junto com a primeira que falamos, “comigo-ninguém-pode”. Qualquer parte dela, ingerida, pode levar à parada cardíaca. Os sintomas iniciais são de intoxicação: enjoo, vômito, diarréia e dor de cabeça. Fica longe!

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Cambará
  Nome Científico: Lantana camara
Nomes Populares: Cambará, Bandeira-espanhola, Camará, Camaradinha, Cambará-de-cheiro, Cambará-miúdo, Cambará-verdadeiro, Cambarazinho, Chumbinho, Lantana, Lantana-cambará, Verbena-arbustiva
Família: Verbenaceae
Categoria: Arbustos, Arbustos Tropicais, Flores Perenes, Plantas Daninhas

 

Nunca prepare um chá com essa planta. Pode causar diarreia, vomito e fotofobia (sensibilidade à luz).

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Bico de Papagaio
  Nome Científico: Euphorbia pulcherrima
Nomes Populares: Poinsétia, Bico-de-papagaio, Flor-de-natal, Flor-de-páscoa, Flor-de-são-joão, Folha-de-sangue
Família: Euphorbiaceae
Categoria: Arbustos, Arbustos Tropicais, Flores Perenes

 

A planta causa coceira, inchaço e, se ingerida, náusea e diarreia. O veneno da seiva da flor pode passar para a comida.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Saia Branca
  Nome Científico: Brugmansia suaveolens
Nomes Populares: Trombeteiro, Babado, Cartucheira, Cartucho, Copo-de-leite, Datura, Saia-branca, Sete-saias, Trombeta-cheirosa, Trombeta-de-anjo, Trombeta-rosa, Trombeteira, Zabumba-branca
Família: Solanaceae
Categoria: Arbustos, Arbustos Tropicais, Plantas Aquáticas, Plantas Palustres

 

Trata-se de uma planta alucinógena, comumente encontrada em terrenos baldios (ou não). Se ingerida pode causar taquicardia e alucinações. Em excesso pode levar sim à morte.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Nossos bichos de estimação também não estão livres dos problemas causados por essas plantas. Em geral os animais seguem seu instinto, mas é sempre bom estar alerta e afastar os animais do perigo.

 

E vale lembrar, se você presenciar uma situação de intoxicação não é recomendado dar leite, líquidos ou até provocar o vômito na vítima. O mais recomendado é levar a pessoa intoxicada direto ao hospital e de preferência com um pedaço da planta ingerida para mostrar ao médico.

 

Anote também o telefone do SINITOX, serviço 24 horas que dá instruções de como proceder em caso de intoxicação: 0800 722 6001.

 

Todas as informações contidas neste texto, foram baseadas em um artigo publicado no site do programa Bem Estar, da Rede Globo http://g1.globo.com/bemestar/index.html e as imagens retiradas da internet.

 

 

Leia Também:

Aedes aegypti e suas preferências...

A magia da infância ultrapassando os limites do saber... 
Topo